[ad_1]

O marketing evolui constantemente, devido a diversos fatores, inclusive à chegada de novas tecnologias que impactam não só nossa sociedade como um todo, mas especificamente alguns hábitos e comportamentos do consumidor. É nesse cenário que o marketing 4.0 chega para agregar na forma que nos comunicamos e vendemos para nosso público.

Afinal de contas, com o crescimento do marketing no ambiente digital, houveram mudanças significativas na forma de entender e se comunicar com o consumidor. 

Certamente você já deve ter escutado sobre as demais eras do marketing, não é? A cada evolução há um intervalo de tempo menor entre elas. O conceito do Marketing 4.0 chegou em 2016 e desde então tem caminhado rumo à próxima era. Sua empresa já está preparada para se atualizar e seguir as tendências de mercado?

Preparamos este artigo para que você possa sempre estar atualizado com o que há de mais novo no mundo do marketing. Boa leitura!

Como o Marketing 4.0 difere dos métodos tradicionais de marketing? 

Antes de nos aprofundarmos no conceito e particularidades do marketing 4.0, é necessário dar um passo atrás e relembrar o que as outras eras do marketing propuseram para o mercado.

O disseminador das eras do marketing é Philip Kotler, um estudioso estadunidense que é considerado o “Pai do Marketing”. Através de seus livros, entendeu, definiu e disseminou conceitos importantes do marketing, abordando, inclusive, a transição do marketing para o digital.

Marketing 1.0.

A primeira era do marketing foi marcada pela era industrial e, por isso, possuía foco no produto. Seus objetivos eram basicamente padronizar a produção e reduzir os custos para a venda em massa. 

Uma característica marcante dessa era é a falta de direcionamento para um público-alvo. As empresas apenas se preocupavam em fabricar e divulgar para quem quisesse comprar. 

Era uma fase mais simplificada, onde havia divulgação massiva, explorando características, benefícios e demais atributos de um produto. Havia baixa concorrência e não existiam muitas opções para o consumidor. Na verdade, pensava-se pouquíssimo sobre suas necessidades.

Confira um exemplo de marketing 1.0 com a publicidade da Ford. O foco é 100% o produto e suas características. 

Anúncio da Ford com destaque para atributos do produto - exemplo clássico da comunicação no Marketing 1.0
Anúncio da Ford com destaque para atributos do produto

Marketing 2.0. 

Na segunda era do marketing novas tecnologias começaram a brilhar e a concorrência ficou mais acirrada, por isso o foco mudou. Essa era tem tudo a ver com informação e com o consumidor. Sabe aqueles ditados “o cliente é quem manda” ou mesmo “o cliente é rei”? Foi exatamente aqui o berço desse pensamento na hora da venda. O foco passa a ser no cliente.

Com essas novas tecnologias, o consumidor passou a estar bem informado e junto do novo leque de ofertas, passaram a ter muitas opções de escolha. Logo, naturalmente tornaram-se mais exigentes e passaram a comparar preços, características, etc.

Também houve uma maior preocupação das empresas em relação à construção de marca, para que tivessem uma identidade da empresa que os diferenciasse dos concorrentes.

Outro ponto de mudança nesta era foi a segmentação de mercado. As marcas buscaram conquistar a preferência do consumidor, buscando suprir suas necessidades e desejos. Com a definição de um público-alvo claro, as marcas poderiam gerar maior identificação com certos grupos de consumidores, diferenciando-se assim dos correntes.

Confira um exemplo de marketing 2.0 abaixo. O foco passa a ser uma identificação da marca com o público-alvo, como no filme publicitário dos Mamíferos Parmalat, que foi um sucesso na época, por exemplo.

Marketing 3.0.

Na virada para o século 21, entramos no marketing 3.0. O foco agora é o ser humano. Não apenas o consumidor como um mero cliente, mas ele como indivíduo. 

As propagandas, então, não tinham mais apenas o propósito de venda, mas sim entender e apoiar a individualidade de cada um. Nessa era, há uma abordagem mais humanizada e até mais aspiracional, tendo ênfase na história de cada um, seus valores e complexidades individuais.

A popularização da internet e das redes sociais foi um fator decisivo para essa mudança acontecer. Passou a haver uma necessidade maior de estabelecer uma conexão emocional com o cliente, ressaltando o valor do produto para a sua vida. 

Logo, as marcas também assumiram valores humanos, a fim de gerar maior identificação com cada pessoa, passando a se identificar e se posicionar em causas e adotar propósitos. Essa foi uma demanda advinda dos consumidores, que agora são ativos dentro desse jogo, “participando” da empresa e tornando-se um difusor de conteúdo.

Um exemplo de marketing 3.0 é essa publicidade da Skol que defende as diferenças. Skol contraria os tradicionais filmes publicitários relacionados a cervejas e demonstra compromisso social com a diversidade e aceitação do “eu”, conquistando assim, a confiança do público.

O que é Marketing 4.0?

Se o marketing 3.0 nasceu em meio a revolução digital, o marketing 4.0 surge devido a intensificação da era digital no mundo e se apresenta dessa mesma maneira: sendo uma potencialização e aprofundamento do marketing 3.0, que tinha como foco a experiência do consumidor e a identificação com a marca. 

É importante ressaltar que o surgimento de novas eras do marketing não extingue as eras passadas, mas certamente empresas que se adaptam mais rapidamente às novas eras estarão à frente em comparação com empresas que não evoluíram junto ao mercado. 

Nessa era do marketing, as empresas seguem focadas no ser humano e na aproximação com o consumidor através da construção de uma personalidade de marca. Neste contexto, a tecnologia e o digital permeiam com ainda mais intensidade as interações, comunicações e, consequentemente, os resultados das marcas, uma vez que possuem um alto poder de influência sobre os indivíduos. 

Nessa era pós-digital, esses dois elementos acabam por moldar nossos comportamentos. Existe uma linha muito tênue entre o que é online e offline em nosso dia a dia como indivíduos e como também como consumidores. Essa divisão entre os dois mundos vai se confundindo e os canais que fazem a ponte marcas/consumidores se tornam progressivamente mais híbridos. 

Podemos destacar alguns focos que assumem papéis extremamente relevantes nas transformações dessa nova era: 

Abaixo, podemos observar com mais objetividade as distinções das 4 primeiras eras do marketing:

Box que ilustra a evolução do marketing: do 1.0 ao 4.0 utilizando 3 indicadores: objetivo, foco e estratégia de cada um.

Quais são os benefícios de aplicar o Marketing 4.0 para o seu negócio? 

Você não quer que sua empresa fique obsoleta, como os celulares “tijolões” dos anos 90, quer? Portanto, é preciso estar atualizado e conversando com o público do modo que eles estão preparados para te ouvir. Esse é o principal benefício quando falamos em aplicar o marketing 4.0: trazer sua marca para o presente para não ficar atrás da concorrência. 

Na era pós-digital, até pequenos empreendedores podem competir com gigantes internacionais e isso é algo que, definitivamente, antes não era possível. 

Além disso, você consegue vender mais, uma vez que sua comunicação está alinhada com as necessidades do mercado e consegue manter seus clientes por mais tempo, conquistando os chamados “advogados de marca” ao estreitar um relacionamento de confiança e troca mútua entre marca/cliente, entre outros benefícios. 

Quais desafios o marketing 4.0 apresenta às empresas?

O principal desafio que as empresas que querem se atualizar vão enfrentar será, de fato, a mudança cultural construída ao longo de muitos anos. Ter essa “virada de chave” no pensamento e visão do que é e quem é o consumidor é primordial para a adoção do marketing 4.0 na sua empresa. 

Não dá mais para basear decisões e escolhas em achismos, tratar o público como massa e falar apenas em um canal com sua audiência. Isso tudo ficou no passado e você deve ter plena consciência disso. 

Essa nova era exige uma nova postura, um olhar mais atencioso com quem é seu cliente como ser humano, se fazer presente em ambiente digital e físico. Além disso, é preciso entender o panorama do mercado e basear suas decisões em uma análise de dados concreta. 

Outro ponto desafiador é conquistar a atenção e a confiança do consumidor que é bombardeado de informações o tempo inteiro e está cada vez mais ocupado. Apenas 30 segundos de TV não são mais o suficiente para fazer uma comunicação efetiva. Ninguém gosta de ser interrompido e a internet oferece milhões de opções e conteúdos mais amigáveis nesse sentido e mais interessantes também. 

Como aplicar o Marketing 4.0 na prática?

Para tornar o marketing 4.0 uma realidade na sua empresa é preciso investir no marketing de conteúdo, pois, uma vez que você oferece informações e materiais ricos relevantes e de valor para sua persona, você conquista sua atenção. 

Dessa forma você conquista a confiança da sua audiência e estreita laços ao longo da jornada de compra do consumidor

Outra aposta para aplicar o marketing 4.0 é a integração plena entre online e offline. Como vimos anteriormente, essas barreiras se confundem muito para os consumidores atualmente e, com certeza, é um hábito sem previsão de se desfazer. Portanto, suas estratégias on e off precisam convergir e oferecer uma experiência completa e sem atritos entre os meios. 

Você se beneficiará muito nesse sentido ao oferecer uma experiência omnichannel. Dessa forma, sua empresa consegue integrar a operação de vendas a todos os canais, independentemente do meio utilizado. 

Você também pode, entre diversas outras ações para implementar o marketing 4.0,  trabalhar uma relação mais horizontal com seus consumidores. Sua marca deve se mostrar autêntica e esquecer uma posição hierárquica em que está acima de seus clientes. Quanto mais você se mostrar um parceiro, trocar informações e interagirem entre si, por exemplo, melhor. 

Livro Marketing 4.0 

Philip Kotler, o economista estadunidense considerado o “pai do marketing” é um dos especialistas de marketing mais prestigiados do mundo e também é o autor do livro “Marketing 4.0”, bem como de outras dezenas de livros esmiuçando o marketing, propondo conceitos e analisando mudanças e demandas de mercado. 

Capa do Livro Marketing 4.0 de Philip Kotler
Livro Marketing 4.0 de Philip Kotler

Através dessa obra, ele guia uma geração de profissionais em direção às mudanças de marketing permeadas pela sociedade e pelo avanço tecnológico. Entendendo de forma mais acentuada novas dinâmicas de mercado, suas características e transições, podemos alcançar o cliente de forma efetiva. 

 É uma leitura praticamente obrigatória para profissionais de marketing e empreendedores que desejam entender o mercado, a sociedade e as mudanças fomentadas ao longo dos anos com o objetivo de  acompanhar o ritmo que o mercado demanda e não deixar sua empresa para trás. 

O futuro do marketing

Como gostamos de dizer aqui na Mirago, o futuro começa hoje e, no marketing, isso não poderia ser diferente. Philip Kotler já cunhou o termo Marketing 5.0, nos apresentando à uma nova era do marketing super recente. 

O lançamento do livro “Marketing 5.0” foi realizado em 2021, pouco tempo depois do início da pandemia do coronavírus e aborda justamente esse grande momento de mudanças que as circunstâncias nos impuseram como sociedade e como seres humanos. 

Capa do Livro Marketing 5.0 de Philip Kotler, Hermawan Kartajaya e Iwan Setiawan
Capa do Livro Marketing 5.0 de Philip Kotler

De modo geral, essa era do marketing tem como base os dados e traz a tecnologia para além da internet, se posicionando a favor da qualidade de vida e bem-estar, de modo que a tecnologia contribua de alguma forma para a humanidade. Mas isto é assunto para um próximo post. 

Num mundo onde as mudanças acontecem de forma cada vez mais veloz, estar atualizado e em constante aprendizado se torna essencial para acompanhar os passos do mercado

Para estar por dentro das tendências de marketing você pode contar com um bom networking ao conversar com outros colegas profissionais de marketing, além disso você também pode manter a leitura em dia com livros e blogs especializados, ouvir podcasts de marketing, comparecer a eventos e participar de cursos.

Outra prática que você deve adotar para se manter atualizado é fazer testes para essa nova era, ao aplicar na prática. Dessa forma, você mantém sua empresa relevante no mercado. 

Conclusão

Esperamos que você tenha aproveitado a leitura e que tenha iluminado seu caminho no entendimento das eras do marketing e como o marketing 4.0 pode te ajudar a alcançar sua audiência de modo mais assertivo.

Conte sempre com a Mirago para se atualizar com os melhores professores do mercado o ano inteiro, com cursos das mais variadas áreas ensinadas por especialistas e esteja preparado para enfrentar as demandas e mudanças do mercado. 

Que tal começar hoje?

Comece a se atualizar com nosso curso de Marketing Digital Gratuito. Confira!

[ad_2]

Leave a comment