Exército gasta R$ 8 milhões em coquetéis regados a whisky 12 anos no MS

0
Crie o seu Negócio Próprio

A 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada do Exército em Dourados – MS, anunciou a contratação de serviços de buffet, ornamentação e festividades, no valor de até 8 milhões de reais. Estão previstos mais de 50 coquetéis, almoços e jantares regados a whisky 12 anos, cerveja e vinhos de quatro tipos de uvas: Cabernet Sauvignon, Merlot, Carmenere e Sauvignon Blanc.

Tudo isso pago adivinha por quem?

As festas militares serão realizadas na capital sul-mato-grossense, Campo Grande, e em Bela Vista, Nioaque, Três Lagoas, Dourados, Amambaí e Ponta Porã. Cada evento com previsão de até 1.000 convidados. Haverá locação de coberturas desmontáveis, arranjos de flores em vasos de vidro, plantas ornamentais e até ‘canhões de luz’. Cada encontro terá cerca de 50 garçons, pelo menos um para cada grupo de 15 convidados.

Os coquetéis terão mesas de frios completas, além de camarões empanados, bolinhos de bacalhau e lombo defumado. Os jantares terão saladas grega, caprese e caesar, filé mignon, peru e “peixes nobres”. O edital do Exército exige quatro tipos de sobremesas, incluindo frutas laminadas, pavês e mousses. As empresas vencedoras terão de fornecer guardanapos de tecido oxford ou cambraia de linho.

O Exército justifica que as quantidades previstas são estimadas para prover o Comando da 4ª Brigada e suas organizações militares vinculadas pelo período de 12 meses. Um ano inteiro de festa, acreditem ou não, pagos com dinheiro do contribuinte!

Agora fica a pergunta: É um crime o Exército confraternizar-se e comemorar datas festivas? Respondemos: Definitivamente, NÃO!  Mas, vergonhoso é que isso se torne pretexto para gastos tão absurdos, especialmente em tempos que se diz, de pandemia, quando milhões de brasileiros padecem necessidades na porta do banco, sofrendo filas intermináveis para solicitar o auxílio emergencial de 600 reais, auxílio este obtido a duras penas, sob alegação de que os cofres públicos não tem recursos para bancar.
Interessante é ver que para as festas militares não existem tais dificuldades, ao contrário, como citado no início desta matéria, estão previstos mais de 50 coquetéis, almoços e jantares regados a whisky 12 anos, cerveja e vinhos diversos.

Comece aqui a sua Carreira Digital de Sucesso

SEM COMENTÁRIOS