[ad_1]


Em resposta aos discursos do presidente e candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL) neste 7 de Setembro, o ex-presidente e candidato à Presidência Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou, em vídeo publicado nas redes sociais na noite desta quarta-feira (7), que nunca usou a data para fazer campanha política. “Quando presidente da República, eu tive a oportunidade de participar de dois 7 de Setembro — um em 2006 e outro em 2010 — em época eleitoral. Em nenhum momento, a gente utilizou um Dia da Pátria, o dia do povo brasileiro, o dia maior do nosso país por conta da Independência, como instrumento de política eleitoral.”


Assista à íntegra:










Lula diz que, em vez de “atacá-lo”, Bolsonaro deveria explicar como a família comprou 51 imóveis.



O vídeo responde aos discursos feitos por Bolsonaro na orla de Copacabana, na capital fluminense, e em Brasília. “Compare o Brasil com a Nicarágua, com a Venezuela, com o que está acontecendo na Argentina. Todos têm algo em comum, todos são amigos do quadrilheiro de nove dedos que está concorrendo à Presidência no Brasil”, declarou o chefe do Executivo federal, em referência a Lula.



No discurso, Bolsonaro afirmou ainda que “não deseja o mal” a políticos e eleitores de esquerda, mas pediu mobilização de sua base. “Não é voltar apenas à cena do crime. Este tipo de gente tem que ser extirpado da vida pública. Eu peço que não tentem convencer o esquerdista. Peçam [a ele] para convencer vocês.”



[ad_2]

Leave a comment